quarta-feira, 25 de agosto de 2010

Lendo muito ultimamente...

Hum... não sei dizer se gostei dessa ultima leitura do Desafio Agatha Christie...

É uma estória escrita de modo bem leve - mesmo tratando de assuntos tão assassinalísticos.... tive a sensação de que dona Agatha estava com o prazo assim, no bico do corvo, pra entregar este livro à editora.

Acabou rabiscando uma estorieta qualquer e pronto. Ouso dizer (eu sou ousadinha!) que ela usou dos personagens mais gostosos (em minha opinião) só pra pescar leitores incautos.

Como esta que vos escreve.

Bom, a estória é sobre uma mocinha elegante chamada Nicky Buckley, a dona da Casa do Penhasco e vítima de uma série de tentativas de assassinato. Poirot é envolvido pelo charme da garota e se dispõe a impedir que o crime aconteça.

Agatha é mestra em desenvolver estórias muito bem amarradinhas sem aprofundar demais nos personagens. Mas dessa vez achei que ficou superficial demais! Não deu nem pra me decidir se eu deveria ou não gostar de alguns dos seres apresentados...

Apesar de tudo dona Agatha nos presenteia com a sua peculiar assinatura e nos surpreende ao mostrar como as coisas realmente aconteceram.

A Casa do Penhasco
Nota: 6/ 10

PS: Fiquei com uma pulga atrás da orelha: como foi armada a cena em que alguem atira na Nicky quando ela estava na varanda do hotel conversando com o Poirot?

Mistérios..............

Um comentário:

  1. Pensei a mesma coisa! Onde está a explicação da cena da "vespa"?

    ResponderExcluir